Foto: Reprodução/Armas apreendidas no bairro do Rangel, em João Pessoa
Onze armas em João Pessoa, três em Areia, duas em Juripiranga, uma em Campina Grande, uma em Pombal, uma em Queimadas, uma em Itaporanga, uma em Assunção e outra em Fagundes. Esse foi o saldo das ações e operações realizadas pela Polícia Militar na sexta-feira (15), que retiraram das ruas 22 armas de fogo, em menos de 24h.

A capital foi o local onde teve o maior número de apreensões, graças a uma operação do Regimento de Polícia Montada (RPMont) e Coordenadoria de Inteligência (COInt), que apreendeu seis revólveres, uma pistola e uma arma longa no bairro do Rangel. Uma mulher de 19 anos foi detida com o arsenal. Outros dois revólveres foram apreendidos em poder de um grupo formado por quatro suspeitos, que assaltaram um taxista, uma rede de restaurantes de fast-food e um posto de combustíveis, em três bairros. A 11ª arma apreendida pela PM em João Pessoa foi no centro, após abordagem a dois suspeitos, de 22 e 17 anos, que passavam em uma moto pela avenida Tabajaras. Com eles, foi encontrado um revólver.

Em Areia, policiais da 3ª Companhia do 15º Batalhão realizavam ronda na zona rural quando receberam a denúncia de que tinham armas em umas casas abandonadas, onde frequentemente estava tendo uma movimentação de pessoas estranhas à localidade. A PM foi até o local e encontrou três armas, que foram entregues na Delegacia Seccional da cidade de Esperança. As rondas foram intensificadas para tentar localizar os donos das armas.
Foto: Reprodução/Armas apreendidas em Areia
Na cidade de Juripiranga, seis suspeitos, com idades entre 17 e 22 anos, foram detidos e apreendido com uma espingarda e um revólver. Uma das armas tinha sido tomada por assalto de um integrante de militar das Forças Armadas, minutos antes da ação.

As outras apreensões registradas nas cidades de Campina Grande, Pombal, Queimadas, Itaporanga, Assunção e Fagundes resultaram na prisão de oito suspeitos.

Fonte: Diário Do Sertão
Por Portal Diário com Assessoria

Postar um comentário