Quando chove, Rio Jaguaribe inunda casas do Bairro São José, em João Pessoa (Foto: André Resende/G1/Arquivo)
Um estudo feito pelo Instituto Brasil (IBGE) em parceria com o Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (Cemaden) mostra que a Paraíba tem pelo menos 36.395 habitantes morando em áreas de risco. A análise leva em consideração as populações vulneráveis a desastres naturais no território brasileiro, como enchentes e deslizamentos de terras.

O levantamento mostra que a Paraíba é o segundo estado do Nordeste com menos pessoas em situação de risco, considerando a amostra consultada, ficando na frente de Bahia (1,3 milhões), Pernambuco (829 mil), Ceará (185,7 mil), Maranhão (165,2 mil), Alagoas (146,6 mil), Rio Grande do Norte (141,1 mil) e Piauí (66,2 mil).

A Paraíba está atrás apenas Sergipe, que tem 6.394 habitantes em situação de risco. Entretanto, a população de Sergipe ainda é menor que a da Paraíba.

As análises foram construídas a partir de dados do Censo 2010 e foram desagregadas por estados e municípios. O objetivo desse trabalho é subsidiar ações de monitoramento, elaboração de alertas e a gestão de riscos e respostas a desastres naturais.

Ainda considerando crianças e idosos, o levantamento mostra que a Paraíba tem mais crianças com menos de 5 anos em situação de risco, do que idosos acima de 60 anos.

Fonte: G1 PB

Postar um comentário