Operação das Forças de Segurança na Gauchinha (Foto: PRF)
A Polícia Rodoviária Federal (PRF) desmentiu boatos de que uma nova manifestação de caminhoneiros estaria programada. Segundo áudios de WhatsApp, a paralisação começaria em 4 de junho, mas a PRF não confirma.

“A PRF está adotando todas as medidas necessárias para evitar isso. A população não precisa se preocupar”, disse a PRF, nesta sexta-feira (1º), ao Correio Debate, da 98 FM, Rede Correio Sat.

Ainda conforme a PRF, se o boato for confirmado, o órgão está agindo junto com a Polícia Militar, Corpo de Bombeiros e outras autoridades para evitar novas paralisações.

Junto com o Exército, a PRF executa a Operação Corredores Livres, em rodovias federais na Paraíba, e não há registros de BRs bloqueadas ou com caminhões parados. No dia 30 de maio, a operação desfez a paralisação e mais de 850 caminhões retomaram o tráfego em João Pessoa.

A greve dos caminhoneiros durou dez dias em quase todo o Brasil e provocou desabastecimento de combustíveis e produtos, com consequente queda em serviços. O presidente Michel Temer autorizou o uso das Forças Armadas para que os caminhoneiros voltassem a circular.

Fonte: Portal Correio

Postar um comentário